Voltar para o início do blog

5 dicas para alcançar os mais altos padrões sanitários no desenho do seu equipamento

1 fevereiro 2016

5 dicas para alcançar os mais altos padrões sanitários no desenho do seu equipamento

1. Garanta que todas as peças que estão diretamente ou indiretamente em contato com o produto cumprem com os requisitos de alimentos. Para cada parte de metal você precisa usar aço inoxidável 304 ou mais para um acabamento com revestimento apropriado. Todas as partes não metálicas precisam ter o certificado de conformidade para garantir que sua composição seja aprovada para o ambiente de alimentos.

2. Escolha uma máquina que tenha um desenho simples, limpo e fácil de desinstalar. Estas características fazem com que o processo de inspeção seja mais rápido e efetivo além de fazer com que o procedimento de limpeza seja mais fácil, assim como também a desinfecção final.

3. Evite gerar qualquer cavidade em seu desenho que possa dificultar o processo de desinfecção. Tenha consciência de que as tarefas de limpeza precisam ser realizadas frequentemente e se existir uma parte da máquina que for mais difícil de alcançar, pelo menos você precisa ser capaz de desmontá-la rapidamente para poder acessá-la.

4. Tente não integrar rolos, parafusos, porcas, chaves e redes na zona do produto. O desenho tem de ser desenvolvido com essas partes fora da zona do produto.

5. Quando for possível, instale telas sanitárias sobre a zona do produto para evitar qualquer risco de contaminação que venha desde fora do equipamento. 

Artigo seguinte