Voltar para o início do blog

4 RAZÕES PARA DEFINIR CORRETAMENTE SEUS REQUISITOS DE APLICAÇÃO

8 abril 2016

4 RAZÕES PARA DEFINIR CORRETAMENTE SEUS REQUISITOS DE APLICAÇÃO

Isto pode parecer intuitivamente óbvio, mas quando você está planejando adquirir um novo equipamento para manusear o material é importante definir corretamente seus requisitos de aplicação. Sendo tão óbvio como pode parecer, as pessoas frequentemente caem na armadilha de aumentar arbitrariamente suas especificações, com a consequência direta de pagar a mais ao selecionar um equipamento que não precisam! Aqui há diversas sugestões a seguir ao considerar um novo equipamento para manobra de material.

1. O produto é rei

Em manobra de material o produto é o rei. Os fornecedores de equipamento precisam desenvolver um alto entendimento sobre o que você está transportando. Isto lhes permite avaliar o que pode e o que não poder ser feito com seu produto para selecionar soluções ótimas, reduzir seus custos e maximizar o desempenho da sua linha. Garantir que o seu fornecedor que manuseia o material entenda seu produto pode ser a única coisa mais importante a ser alcançada durante o processo de compra.


2. Disponha de tempo para recolher os dados

Não existe dúvida de que você é o especialista na produção de widgets.pt33> Você conhece o tamanho e o peso dos materiais e a rapidez com que podem ser produzidos. Seu fornecedor de equipamento precisar conhecer esta informação também – este é o pilar para selecionar o melhor equipamento para sua aplicação.  Você pode se surpreender ao saber que pode ser difícil para um fornecedor obter esta informação uma vez que o processo de seleção começar.

Disponha de tempo para documentar o que você está manuseando. Faça uma lista com os tamanhos e pesos do produto e taxas de produção. Evite fazer listas destes fatores em intervalos, que podem levar o seu fornecedor a sugerir um equipamento em base aos casos de piores cenários que nem sequer existem! Como um exemplo do que deve ser evitado: não considere o peso máximo para o menor produto em um intervalo.





3. Resista à tentação

Todos desejamos um equipamento robusto que possa manobrar um pouco mais do que pedimos a ele. Por esta razão, muitos clientes têm a tendência de aumentar arbitrariamente os pesos do produto e/ou as taxas de produção. Embora isto possa parecer uma boa ideia, os fornecedores conscientes sempre adicionam os seus próprios fatores de segurança ao seu requerimento para garantir que o equipamento funcionará no mais alto nível.  Se você entregar ao seu fornecedor dados aumentados, você irá selecionar um equipamento caro de forma desnecessária.

Sempre entregue aos fornecedores informações precisas e não aumentadas sobre o produto. Se você quiser ter tranquilidade sobre a capacidade perante um futuro crescimento, coloque na lista o crescimento futuro desejado como um item separado.  Isto evita sobrestimar as necessidades de equipamento.


4. Retire a venda do equipamento

Muitos clientes começam o processo de aquisição de novo equipamento para manuseio de material assumindo que sabem o que querem.pt76> Cometem este erro ao focarem no tipo de equipamento que desejam em vez de focarem no que eles tentam alcançar. A manobra de material é uma indústria dinâmica, com soluções novas e inovadoras entrando no mercado a cada dia. Ao focar no equipamento que você comprou no passado ou naquele que você sabe que existe, você está perdendo uma valiosa oportunidade para que os fornecedores possam educá-lo sobre as novas tecnologias que podem melhorar o desempenho da sua operação e podem ser mais econômicas.

A aquisição de um equipamento para manobra de material é um passo muito importante para qualquer organização que deseje um melhor fluxo de trabalho e um incremento na produtividade.  Como é frequente, o primeiro passo de um processo pode ser o mais importante: Dê seu primeiro passo definindo os requisitos da sua aplicação com precisão.

Artigo seguinte