Automação ajuda a criar melhor ambiente de trabalho

Automação ajuda a criar melhor ambiente de trabalho

A Barefoot Pellet Company é um fabricante de aglomerados de madeira de qualidade localizados em Troy, Pensilvânia. Nossa primeira empresa começou a funcionar na Primavera de 2006. A primeira linha que tínhamos era uma linha de embalagem de fase única. No final de 2007, expandimos nossa produção através da compra de uma segunda fábrica de pellets.

Com uma produção de aproximadamente 200 toneladas/dia, estava ficando muito mais difícil manter o empilhamento: foi necessária a automação. Além disso, sabíamos que, por meio da automação, reduziríamos as tarefas repetitivas executadas por nossos funcionários e pouparia dinheiro, porque usar rolos de filme é mais barato do que o ensacamento manual.

Primeiro falamos com Kent Williamson de Probec, um representante de vendas local Industrial Premier Tech Equipamentos Group (IEG), na Pensilvânia. Visitamos duas plantas, uma das quais era uma fábrica de sal equipada com uma linha de empacotamento automático do IEG. Em seguida, passámos por um processo de entrevista durante o qual encontramos alguns fabricantes de equipamentos, a fim de encontrar o nosso fornecedor de equipamentos de empacotamento. Nós estávamos procurando por um fornecedor seguro, bem estabelecido que usasse partes comuns e pedisse preços decentes. O IEG saiu vencedor. A qualidade e preço eram melhores, e o equipamento era mais robusto. Além disso, o IEG poderia nos fornecer uma linha de empacotamento totalmente automatizada e integrada.

Compramos uma balança para peso líquido de alta velocidade (E55GHS), uma ensacadeira forma enche e sela (FFS-200) e uma célula robotizada de paletização (AR-200). O aspecto mais desafiador de nosso projecto era a configuração de layout apertado. O IEG precisava fazer o ajuste da linha completa de empacotamento em um espaço muito limitado. Na verdade, foi a configuração mais apertada que poderia ser feita! A instalação da linha ocorreu em meados de abril de 2008. O desafio, ao mudar o ensacamento de manual para automático, era se certificar de que ambos os lados estariam prontos para a instalação, ao mesmo tempo. No geral, correu bem, apesar de estarmos pressionados a instalar o equipamento porque tínhamos outra instalação ocorrendo ao mesmo tempo. Os técnicos do IEG fizeram um trabalho muito bom nos ajudando.

Já se passaram dois meses desde que o nosso equipamento começou a funcionar. É um trabalho em andamento: ainda estamos aprendendo, e ele está indo bem. Alcançamos as metas que havíamos estabelecido quando decidimos automatizar nossa linha de embalagem: facilitar o trabalho e criar um melhor ambiente de trabalho. Nossos pallets têm boa aparência e são consistentes. Além disso, o serviço é excelente: até compramos peças on-line! Finalmente, no geral estamos satisfeitos, e certamente iremos recomendar o IEG.

Mike Davison
Gestor da Fábrica
Barefoot Pellet Company